São Paulo Messlife

Documentário de longa-metragem sobre a atuação de ciclo-mensageiros independentes na cidade de São Paulo, que seguiram pedalando desde o início da pandemia do Covid-19 em 2020. Os desafios diários que enfrentam em seu ofício, como o intenso trânsito de carros, a crescente poluição sonora e do ar, e a precarização da profissão decorrente da proliferação de aplicativos de entrega. Os valores do trabalho coletivo, o cooperativismo e a consciência de classe. Com uma média diária de 70 km, sete profissionais da ciclo-logística, com diferentes origens sociais e perspectivas educacionais, compartilham suas experiências e visões em relação à profissão e à cidade – que conhecem de forma extensa e ímpar, testemunhando a disparidade de oportunidades econômicas e sociais impressas nos espaços urbanos. Especialistas em cicloativismo, profissionais de preparo de atletas de alto rendimento e usuários dos serviços de ciclo-logística somam nessa investigação da bicicleta como uma opção eficaz, não poluente e essencial para o fluxo de negócios de São Paulo.  Parte do filme foi captado de maio a agosto de 2020, reunindo, portanto, imagens raras da cidade de São Paulo esvaziada, quando a maioria da população praticou o isolamento social, evidenciando ainda mais o aumento dos riscos dos profissionais da ciclo-logística que se mantiveram ativos.  Messlife é o termo mundialmente utilizado para se referir ao cotidiano de ciclo-mensageirs.

O filme foi realizado com baixíssimo orçamento e recursos próprios em modo de guerrilha, com a participação não-onerosa da equipe, em parte de ciclo-mensageiros e cessão de equipamentos pela equipe. O filme possui um surpreendente valor de produção, mas sem recursos necessários para a finalização do filme.  Acreditamos na força do material e no potencial do filme como produto que possui apelo comercial com uma temática que interessa ao mundo, tem enorme poder de engajamento e forte potencial de impacto social. Em fase de captação para a revisão da montagem, devida finalização e deliveries.
É o filme de estreia na direção de Sebastián Mora Rojas, ciclo-mensageiro e cicloativista, e o filme de retorno à produção de Ines Aisengart Menezes.

= pedal / depoimentos
Alex dos Santos Oliveira
Aline Os – Señoritas Courier
Allan LionGiro Sustentável Entregas
Angela Soler
João Camacho – CICLO messenger
Serena
Thiago Fernandes – Bicimensageria Útil

= especialistas
Fabiano A. Pinheiro – LabFab
Jô Pereira – Pedal na Quebrada
Marina Fontana – Nutricionista esportiva vegana
Wellington Marcelo – Salad Days

= um filme de
Alexandre Britto – edição
Daniel Zacharias – foto
Henrique Orelha Melo – drone
Ines Aisengart Menezes – produção e codireção
Pedro Canin – equipamentos
Rafael Sampaio – Klaxon Cultura Audiovisual
Sebastián Mora Rojas – direção

Aline Os
Angela Soler
Alex dos Santos Oliveira
Allan Lion
João Camacho
Sebastián Mora Rojas

fotos de Daniel Zacharias